"Nisto conhecerão todos que sois meus discípulos, se tiverdes amor uns aos outros." (João 13:35) "Onde estiverem reunidos, em Meu nome, dois ou três, lá estarei no meio deles." (Mateus 18:20)

Translate


Pesquisar

quarta-feira, 16 de fevereiro de 2011

Jesus… o único Deus verdadeiro?

   João escreveu:  "Sabemos também que já veio o Filho de Deus, e nos deu entendimento para conhecermos aquele que é verdadeiro; e nós estamos naquele que é verdadeiro, isto é, em seu Filho Jesus Cristo. Este é o verdadeiro Deus e a vida eterna. " (1 João 5:20 ), e assim alegam os trinitaristas que o "verdadeiro Deus" é Jesus Cristo. Mas analisando o contexto veremos que não é verdade. Aqui a  exegese  é considerada  um engano por vários que até mesmo acreditam na Divindade de Jesus, mas se acham convencidos de que "houtos" (este) se refere ao Pai, o verdadeiro Deus, e não a Jesus. O capítulo começa afirmando: "Todo aquele que crê que Jesus é o Cristo, é o nascido de Deus; e todo aquele que ama ao que o gerou, ama também ao que dele é nascido. ". Está claro desde o princípio que Jesus nasceu de Deus, foi gerado, não é o verdadeiro Deus, o Criador. E dos versículos 18 aos 20, João diz: "Sabemos que todo aquele que é nascido de Deus não vive pecando; antes o guarda aquele que nasceu de Deus, e o Maligno não lhe toca. Sabemos que somos de Deus, e que o mundo inteiro jaz no Maligno. Sabemos também que já veio o Filho de Deus, e nos deu entendimento para conhecermos aquele que é verdadeiro; e nós estamos naquele que é verdadeiro, isto é, em seu Filho Jesus Cristo. Este é o verdadeiro Deus e a vida eterna. ". Está claro que quando disse sobre o  verdadeiro Deus, João dizia sobre aquele que o gerou e o mandou ao mundo para, como o "logos" encarnado, a "imagem de Deus invisível", fazer com que os homens tivessem conhecimento de sua existência.
Ora, a frase "verdadeiro Deus" foi dita 4 vezes na Bíblia: 2 Crônicas 15:3, Jeremias 10:10, João 17:3 e  1 Tessalonicenses 1:9. Em todas as vezes está se referindo apenas ao Pai. A mais significante é esta, em João 17:3, o mesmo João de 1 João 5:20: "E a vida eterna é esta: que te conheçam a ti, como o único Deus verdadeiro, e a Jesus Cristo, aquele que tu enviaste. ". Foi Cristo quem disse isso, orando ao Pai e não a si mesmo, dizendo que foi enviado pelo Pai,  o único Deus verdadeiro. Sendo o mesmo autor de I João 5:20, não há porque duvidar de que João falava naquela epístola sobre o Pai e não sobre Jesus, o enviado de Deus, o nascido de Deus, mas não o próprio Deus. Foi o que todos entenderam, pois já estavam acostumados a entender o Pai como "o único Deus verdadeiro".

Nenhum comentário:

Postar um comentário