Minha resposta ao texto no Blog Espiritismo.

Os argumentos do Blog estão em vermelho, seguidos do meus comentários.



Espírita revela as verdadeiras intenções do espiritismo... destruir quem não o é.

Caros leitores:

   Deus é Fiel!
   A verdade vem sempre ao de cima e o diabo sempre revela as suas verdadeiras intenções. Porquê? Porque ele tenta usurpar o lugar de Deus, tenta fazer-se passar por Ele, mas como não é Deus... algures mostra quem realmente é.
   Muitos têm vindo aqui mostrar a sua revolta pelo que escrevo. Talvez porque não saibam que TUDO aquilo que aqui escrevo está escrito na Bíblia Sagrada. Ontem recebi um email de alguém que através do blog seitas, religiões e Nova Era visitou o blog onde encontrou este texto que vou expôr aqui.
   No próprio texto vou escrever a laranja algumas considerações que me parecem úteis.
   Não se deixem enganar... existe um texto onde falei dos propósitos da Nova Era em relação aos cristãos e veja como são os mesmos do espiritismo!
   A Bíblia ensina-nos que o Anti-cristo estabelecerá uma religião única com o propósito de destruir todos aqueles que crêm em Jesus Cristo como Senhor e Salvador. A única igreja que não se unirá à grande religião é a igreja de Jesus Cristo.
   Publiquei este texto em Junho de 2009, e agora vejam a semelhança dele com o que a Maria Helena Castro expôs no seu blog. Só alguém que já se encontre espiritualmente cego, não entenderá quais os planos do espiritismo. Se voltarem ao 1º e 2º post publicado aqui, verão um espírita que escreve num blog espírita a afirmar que o espiritismo não é uma religião. Vejam o que transcreveu a Maria Helena, retirado de um qualquer  livro dos espíritos  (demónios) nos quais todos os espíritas acreditam. E tentem perceber este enredo demoníaco.

"Calvino e todos que o seguiram cometeram o mesmo erro, e ao invés de afirmar diante das pessoas...o entendimento de que aqueles que reconheceram a sua divindade essêncial o fizeram simbolicamente em favor de todos os filhos encarnados de Deus em desenvolvimento, eles viram a si mesmos como o Povo Escolhido e a todos os que não pensavam como eles, como perdidos. Quando os judeus e os devotos religiosos de mente estreita reconhecerem sua identidade com todas as outras pessoas e expressarem esta identidade atraves de um relacionamento justo, nós veremos um mundo muito diferente. O problema do mundo é essencialmente um problema religioso e por tras de todo o conflito em qualquer sector do mundo hoje, encontra-se o elemento religioso."(The Destiny of Nations (O destino das naçoes), por Alice Bailey, Lucis Publishing Company, New York, 1949, pp. 34-35)

Os adeptos da Nova Era referem-se ao seu sistema de crença como "O Plano" e rejeitam qualquer um  que não concorde com eles! Alice Bailey torna isto bem claro nesta mesma publicação, proclamando que qualquer cristão que ensina o julgamento de Deus e a divindade  de Jesus Cristo, e não do homem, e um inimigo da humanidade e será destruido. (Ibid., p. 17)"
Este foi o post que publiquei em Junho 2009

Segue o post publicado pela espírita Maria Helena Castro em Georgia Preto:
Os meus comentários estarão em Comic sans MS azulão.


Léon Denis no livro Cristianismo e Espiritismo, demonstra a perfeita identidade da Doutrina Espírita com os preceitos do Cristianismo puro, pregado nos Evangelhos.(esta insistência dos espíritas em auto-denominarem-se cristãos... quando não acreditam no Jesus Cristo Ressuscitado, Salvador e Senhor é um engôdo para atrair aqueles que creêm de facto em Jesus Cristo).
Narra de forma compacta a expansão do Cristianismo e os desvios deste nos caminhos do dogmatismo, das conveniências sacerdotais e dos interesses sectários. (O espiritismo denuncia os desmandos e atropêlos da igreja católica romana ao Evangelho puro, ou seja, fala de uma religião e seus desvios, não dos verdadeiros cristãos que seguem a doutrina de Cristo e O receberam como Senhor e Salvador)
Ao longo da obra, Denis nos demonstra que as escrituras sagradas confirmam amplamente os conceitos espíritas, como a mediunidade e a reencarnação. (Uma mentira como tantas outras? Será que os líderes espíritas acreditam que uma mentira dita muitas vezes se transforma numa verdade? Mas... como pode esta senhora escrever uma coisa destas quando temos visto por aqui e nos blogues espíritas que o espiritismo não reconhece a Bíblia como Palavra de Deus?) Por fim, o autor mostra por que o Espiritismo se apresenta como a Terceira Revelação, ou o Consolador (ler o post publicado aqui no dia 13-01-2010) prometido por Jesus.
E com ele (o tal consolador do espiritismo?)temos a possibilidade de destruir as religiões sectárias e fazer florescer uma única e verdadeira religião cristã, fraterna e solidária, entre todas as criaturas, todos os povos, todas as nações.
(Alguém fica com dúvidas das verdadeiras intenções do espiritismo depois de ler isto?
Claro que o pior cego é aquele que não quer ver, mas... perante isto ainda há quem afirme que o espiritismo é só paz e amor? O que será que os impede de entender o que os seus líderes escreveram e acreditam de verdade?)
 Percebemos que o Cristianismo dos 3° primeiros séculos muito se parecia com o Espiritismo em sua estrutura e sua forma, pois não havia padres que direcionavam os ensinamento de Cristo, muitas comunidades católicas recebiam mensagens espirituais e aceitavam a existência que os ditos mortos poderiam se comunicar com vivos. ( Tal como mencionei antes... o espiritismo ataca a religião católica, mas demonstra total ignorância em relação è igreja de Cristo do primeiro século. Paulo foi preso por mandar sair um demónio de uma "médiun" que até diza a verdade... em Hebreus é claramente dito que ao homem está ordenado morrer uma só vez! e atrevem-se a chamar espírita a uma igreja que pregou a salvação pela graça e a ressurreição de Jesus Cristo? Uma igreja cheia do Espírito Santo de Deus à qual milhares se convertiam diáriamente?)
Quando a Igreja Católica foi oficializado pelo Imperador Romano Constantino, esta se tornou um apêndice do poder secular é foi perdendo a essência dos Ensinamentos de Jesus Cristo.
Acredito que o Cristianismo e o Espiritismo são correlatos, (uma mentira repetida muitas vezes... pode soar como verdade a quem não conhece a Verdade que está na Palavra de Deus) pois o Espiritismo tenta reviver as mesmas práticas do ensinamento da Boa Nova de Jesus Cristo, como amor ao próximo e a Vivência do Evangelho em sua Plenitude. (Negando aos seus seguidores a Salvação pela fé em Jesus Cristo e afirmando uma doutrina totalmente contrária ao Evangelho.
A Bíblia ensina que somos salvos pela fé em Cristo para as boas obras e nunca salvos pelas boas obras... Coríntios 13 no versículo3 diz: E ainda que eu distribuísse toda a minha fortuna para sustento dos pobres, e ainda que eu entregasse o meu corpo para ser queimado, e não tivesse amor, nada disso me aproveitaria.)

"Fora da caridade não há salvação" - Allan Kardec
(Isto era o que pregava a igreja de roma que o espiritismo tanto critica... e Martinho Lutero protestou!
Porque a Bíblia é muito clara ao afirmar: Porque pela graça sois salvos, por meio da fé e isso não vem de vós, é dom de Deus. Não pelas obras para que ninguém se glorie...)


No começo, vemos a insistência de sempre em misturar Espiritismo com Nova Era e outras filosofias que os crentes não concordam, não entendem e acham que é tudo a mesma coisa. Ora, o texto inicial nem merece ser respondido porque não estou aqui para defender a Nova Era e sim o Espiritismo.
Agora, sobre as "reais intenções do Espiritismo", me parece que a blogueira acredita - ou quer fazer com que acreditem - que seria simplesmente destruir todas as religiões  e por isso estaria contra o amor e a paz que o Espiritismo ensina. O blog espírita citado por ela diz claramente "destruir as religiões sectárias e fazer florescer uma única e verdadeira religião cristã, fraterna e solidária, entre todas as criaturas, todos os povos, todas as nações.". 
Se crer em um mundo com uma única religião alicerçada no amor, na fraternidade, sem intolerância, sem ataques GRATUÍTOS a Religião DO PRÓXIMO não é estar do lado da paz e do amor, o que é isso então? Cristo disse: "Um só rebanho e um só pastor".
Outros pontos no texto para serem contra-argumentados:

"(esta insistência dos espíritas em auto-denominarem-se cristãos... quando não acreditam no Jesus Cristo Ressuscitado, Salvador e Senhor é um engôdo para atrair aqueles que creêm de facto em Jesus Cristo"

Acreditamos em Jesus, sim. Acreditamos que ele é Salvador, é Senhor, acreditamos que ele provou com seu retorno após 3 dias  a imortalidade da alma - e não do corpo... Tudo isso já foi dito em várias postagens desse blog. Só procurar do lado direito pelas categorias como Salvação,Trindade, Ressurreição, para ver tudo o que já foi dito aqui e não preciso repetir. Acreditamos nisso, mas também acreditamos que não é se apegar ao que dizem as escrituras que vai te tornar um cristão. Apegados as escrituras eram os fariseus que Jesus combatia.
Acreditamos nas palavras de Jesus, que disse:

"Nisto conhecerão todos que sois meus discípulos, se tiverdes amor uns aos 
outros." (João 13:35) 


Então, quem é a blogueira para dizer que não somos cristãos, se Cristo mesmo diz
que para sermos cristãos devemos nos amar como ele nos amou e nos ensinou a amar, sem necessidade de acreditar em coisas que as igrejas, cada uma se dizendo dona da verdade, insistem como regras de fé?

(O espiritismo denuncia os desmandos e atropêlos da igreja católica romana ao Evangelho puro, ou seja, fala de uma religião e seus desvios, não dos verdadeiros cristãos que seguem a doutrina de Cristo e O receberam como Senhor e Salvador)

Tá vendo? Como eu mesmo disse, cada uma se considera a dona da verdade. A blogueira segue o Protestantismo, acha que são os únicos escolhidos.

(Uma mentira como tantas outras? Será que os líderes espíritas acreditam que uma mentira dita muitas vezes se transforma numa verdade? Mas... como pode esta senhora escrever uma coisa destas quando temos visto por aqui e nos blogues espíritas que o espiritismo não reconhece a Bíblia como Palavra de Deus?) 

Há textos e mais textos nesse blog sobre Mediunidade e Reencarnação na Bíblia, assim como o porquê de não aceitarmos a Bíblia como Palavra de Deus, da forma que evangélicos acreditam, o que de maneira nenhuma a invalida no mínimo como registro do que aqueles povos acreditavam. Se a Bíblia afirma, por exemplo, claramente, que Samuel se manifestou após a morte, basta como registro histórico de que a Mediunidade era uma crença, não precisamos acreditar que a Bíblia é de Deus, sem falhas, infalível de capa a capa. Os crentes, ao contrário, é que por acreditarem que a Bíblia é divina 100% que caem numa armadilha, já que o mesmo caso de Samuel, pela insistência deles em não aceitar o que está tão claro. se torna manifestação satânica na "Palavra de Deus". A Bíblia afirma que era Samuel, mas houve aqui - e só aqui, pelo visto - interferência do diabo na narrativa, nos fazendo crer que espíritos podem se comunicar. Sobre Samuel já postei mais de um texto também, então paro por aqui...

 ( Tal como mencionei antes... o espiritismo ataca a religião católica, mas demonstra total ignorância em relação è igreja de Cristo do primeiro século. Paulo foi preso por mandar sair um demónio de uma "médiun" que até diza a verdade... em Hebreus é claramente dito que ao homem está ordenado morrer uma só vez! e atrevem-se a chamar espírita a uma igreja que pregou a salvação pela graça e a ressurreição de Jesus Cristo? Uma igreja cheia do Espírito Santo de Deus à qual milhares se convertiam diáriamente?)

Paulo tratou de uma jovem com espírito de "PITON" (espírito adivinho) que dava LUCRO a seus patrões, portanto está claro que não era uma mediunidade a favor do BEM. Já disse isso também outras vezes aqui nesse blog. Também há textos e mais textos sobre salvação, ressurreição, então já posso parar por aqui.

Negando aos seus seguidores a Salvação pela fé em Jesus Cristo e afirmando uma doutrina totalmente contrária ao Evangelho.
A Bíblia ensina que somos salvos pela fé em Cristo para as boas obras e nunca salvos pelas boas obras... Coríntios 13 no versículo3 diz: E ainda que eu distribuísse toda a minha fortuna para sustento dos pobres, e ainda que eu entregasse o meu corpo para ser queimado, e não tivesse amor, nada disso me aproveitaria.)

A Biblia diz que a cada um será dado segundo suas obras. Mais também me aprofundo sobre esses textos em outras postagens, portanto não acho necessário escrever mais. Sobre versículos de Paulo de Tarso, sobre salvação pela graça, sobre a clara Parábola do Bom Samaritano, muito já disse aqui que responde ao que foi dito acima.
De fato, obras sem amor de nada servem, e é isso justamente que o Espiritismo ensina.

"Fora da caridade não há salvação" - Allan Kardec
(Isto era o que pregava a igreja de roma que o espiritismo tanto critica... e Martinho Lutero protestou!
Porque a Bíblia é muito clara ao afirmar: Porque pela graça sois salvos, por meio da fé e isso não vem de vós, é dom de Deus. Não pelas obras para que ninguém se glorie...)

A Não é para se gloriar mesmo, é simplesmente AMOR(também já expliquei esses versículos em várias postagens), mas a blogueira lamentavelmente confunde isso com venda de indulgências.